Notícias

Conjunto Habitacional Menino Deus é inaugurado em Ampére

Postada em 22/05/2014

O ato de inauguração foi realizado pela Caixa Econômica Federal em parceria com a Administração Municipal, na manhã do dia 19 de maio. No total, 130 famílias foram beneficiadas com uma nova moradia

 

O empreendimento, localizado entre o Bairro Santa Paulina e a Linha Santa Teresinha, possui 130 moradias. O investimento do governo federal na obra, através do PAC 2, é superior a R$ 5,8 milhões com contrapartida de cerca de R$ 300 mil do Município.

Cada habitação está orçada em R$ 44 mil e possui 50,18 m². As moradias contam com dois dormitórios, sala e cozinha conjugada, banheiro e lavanderia interna. “Já realizei a entrega de muitos empreendimentos e esse Conjunto Habitacional com certeza é modelo para todo o País. Está muito bonito, bem feito, com material de boa qualidade. O loteamento já possui toda a infraestutura necessária para que as famílias possam residir no local com qualidade de vida”, disse o superintendente regional da Caixa Econômica, Edilson Zanatta.

Ele ressalvou que as famílias não terão custo nenhum com essa moradia, todo o recurso foi destinado pelo Governo Federal, em parceria com o Governo Municipal.

O Conjunto Habitacional Menino Deus é destinado a beneficiários com renda de até três salários mínimos. A maioria dos novos moradores local residia anteriormente em áreas de risco. “Eu morava num local de invasão e agora tenho uma moradia digna. Não tenho palavras para descrever a emoção. É um sonho realizado”, falou o beneficiário, Sebastião Bernando Helman.

Durante o evento, o superintendente regional da Caixa, Edilson Zanatta, e o Prefeito Hélio Alves realizaram a entrega simbólica da chave para duas famílias. Os demais beneficiários receberam a chave logo após o término da cerimônia oficial. A partir de agora, as famílias estão autorizadas a residir no local. “Vamos acompanhar a mudança dos beneficiários para que ocorra tudo da melhor forma possível”, ressaltou o Secretário de Promoção Social, Celso Saggiorato.

Por residirem anteriormente em área de risco, as casas antigas dos beneficiários serão desmanchadas e a Prefeitura Municipal utilizará os terrenos de outra forma. “Os moradores têm um acordo com o Município para a retirada da madeira das casas em até quatro horas, caso contrário a Prefeitura fica responsável”, explicou Saggiorato.

Apesar de o investimento ser do Governo Federal, a execução de muitos serviços da obra foi de responsabilidade da Prefeitura Municipal. A rede de água e esgoto, o calçamento para o acesso ao local, drenagem de águas pluviais, calçadas, colocação de meio-fio, colocação de placas de identificação, ornamentação e iluminação foram realizados pela Administração Municipal, além da disponibilização dos maquinários.

De acordo com o Prefeito Hélio Alves, o Município cumpriu seu papel. “Nós cumprimos tudo o que foi acordado com a Caixa Econômica Federal. As exigências que competiam ao Município, como a rede de esgoto, a grama das moradias, dentre outras ações nesse loteamento foram realizadas. Nossa equipe da Secretaria de Promoção Social trabalhou muito e por isso estamos muito felizes por inaugurarmos mais esta grande obra”, sintetizou.

O Presidente da Câmara Municipal de Vereadores, Fabricio Simonetto, destacou a importância deste empreendimento para a população. “Pessoas que antes moravam em áreas de risco, sem nenhuma condição, hoje recebem uma casa de qualidade, que oferece toda a infraestrutura necessária para que possam viver bem, com conforto e segurança. Esperamos que em breve mais famílias possam ser beneficiadas”, ressaltou.

TRABALHO SOCIAL

Desde o ano de 2010, os beneficiários recebem acompanhamento social. Diversas reuniões foram realizadas pela Acordar Treinamentos e Consultoria, empresa de São Miguel do Oeste, que ficou responsável pela execução do Projeto de Trabalho Técnico Social em parceria com a Secretaria de Promoção Social. Além disso, diversos cursos profissionalizantes foram oferecidos aos beneficiários com o intuito de oferecer uma nova profissão às famílias.

Pós-morar

A partir de agora, novas atividades serão realizadas com os beneficiários. O trabalho será focado no que se refere ao entorno da casa como produção de hortas, ornamentação, bem como os cuidados básicos com a casa e regras de boa vizinhança. “Quero agradecer a toda a equipe da Secretaria de Promoção Social e das demais secretarias que não mediram esforços para a finalização desta obra. O trabalho com os beneficiários continua, mas é uma enorme satisfação ter contribuído para oferecer condições de moradia digna para estes beneficiários”, apontou a Assistente Social, Claudia Matei da Rosa.

As obras do Conjunto Habitacional Menino Deus foram iniciadas no final do ano de 2011. Também participaram da cerimônia de inauguração do empreendimento o promotor da Comarca de Ampére, Guilherme Schimin; o Gerente Regional da Caixa Econômica Federal, Marcos Carrasco; o Gerente de filial da Caixa, Itamar Miola; além de vereadores, secretários municipais e representantes de entidades locais.