Notícias

Famílias agricultoras são contempladas com habitações em Bom Jesus do Sul

Postada em 27/04/2014

A assinatura aconteceu na manhã do dia 14 de abril, no pavilhão da Igreja Católica de Bom Jesus do Sul

 

Nesse dia, 39 famílias assinaram os contratos de habitações rurais. Destas, cinco pertencem para Barracão e 34 famílias são de Bom Jesus do Sul. A assinatura foi realizada através da parceria entre o Município e a Cooperhaf (Cooperativa de Habitação). O agente financeiro é o Banco do Brasil.

Adair dos Santos, Secretário Municipal de Indústria e Comércio, ressaltou que a assinatura desses contratos foi um momento de grande alegria e satisfação para as famílias contempladas, pois elas terão uma casa nova, que lhes oferecerá mais conforto, segurança e qualidade de vida. Conforme ele, esse projeto habitacional integra uma série de programas nacionais, estaduais e, até mesmo, municipais, que auxiliam e motivam essas pessoas a continuarem no meio rural.

“O prefeito da gestão anterior aderiu a esse programa, visto a sua grande importância para os agricultores. Agora, a atual Administração está dando continuidade a esse projeto, considerando que ele vem de encontro às necessidades de muitas famílias. Hoje a Secretaria de Indústria e Comércio é a coordenadora geral do programa, embora o Município mantenha muitas parcerias, entre elas com a Cohapar, Cooperhaf e com a Fetaep, representada pelo Sindicato dos Trabalhadores Rurais. O Município também é um agente organizador”, destacou.

De acordo com o Secretário, ao todo, até o final do ano que vem, aproximadamente 200 unidades habitacionais serão edificadas em Bom Jesus do Sul. Mais de 70 famílias já estão residindo nas novas casas. “Essas ações são possíveis graças ao empenho de toda a equipe administrativa do Município, que, junto às esferas Federal e Estadual, está sempre em busca de recursos e investimentos, para que possam ser aplicados na melhoria da qualidade de vida dos munícipes e no desenvolvimento de Bom Jesus do Sul. A equipe da Secretaria de Indústria e Comércio está a disposição para inscrever e dar andamento á documentação necessária para integrar as famílias no programa habitacional”, explanou.

Adair dos Santos explicou que após a assinatura, os beneficiários estão autorizados a iniciar a construção. Para isso, ele informou que, primeiramente, é necessário concluir as terraplanagens dos terrenos que receberão a edificação.

O recurso para a construção das casas vem do Governo Federal a fundo perdido e as famílias têm um prazo de seis meses para concluir a obra.

O Prefeito Municipal de Bom Jesus do Sul, Cezar Bueno, enfatizou que essa assinatura faz parte do planejamento da Administração Municipal. “Essas novas moradias garantirão à essas famílias mais conforto e qualidade de vida”, frisou.

Ele destacou que essas unidades habitacionais serão edificadas graças ao contato e parceria mantida pelo Município com o Governo Federal, Governo Estadual e demais entidades.

Conforme Cezar Bueno, esse momento social de assinatura dos contratos foi propício para repassar às famílias informações importantes sobre os cuidados que deverão ter com a nova moradia.

Além dos 34 contratos assinados pelas famílias bonjesuenses, o Prefeito informou que há ainda 14 unidades que serão liberadas pelo Crédito Fundiário e há mais 59 habitações protocoladas junto ao Banco do Brasil, que estão em processo de análise.