Notícias

Barracão: Vereadores aprovam R$ 26 milhões, mas rejeitam subsídio

Postada em 27/08/2016

Na última sessão do mês de agosto, que aconteceu na quinta-feira, 25 de agosto, foi aprovado o Projeto de Lei n° 2192/2016 que dispõe sobre as diretrizes orçamentárias para o exercício financeiro de 2017/2020. É previsto R$ 26 milhões para serem gerenciados pelo executivo. Segundo Aldérico Slongo, presidente da câmara, o valor vai atingir as várias secretarias do município.

Por outro lado, ocorreu a rejeição do aumento salarial para o legislativo e executivo. Na sessão anterior, realizada no dia 18 de agosto, os Projetos de Lei nº 02/2016 e 03/2016, foram rejeitados. Foi reprovada a fixação dos subsídios dos vereadores, presidente da câmara, prefeito, vice, chefes de departamentos, secretário geral, gerente geral, chefe de gabinete e assessor jurídico do município para 2017/2020.

Aldérico, em 40 anos de vida pública, não viu fato parecido. "Eu com a minha experiência política, nunca vi uma coisa igual. Eu acho que Barracão é o único município do Paraná em que não houve consenso entre os vereadores. Não sei por qual motivo, pois não sabemos quais serão os próximos vereadores, prefeito, vice ou cargos comissionados. Acho que isso é um pouco de demagogia política de alguns vereadores. Eu não concordo com essas atitudes, em que quatro foram contrários aos reajustes”, destacou o presidente do legislativo.

Além disso, houve controvérsias sobre a Lei Orgânica do município. A especificação é de que para alterar o salário do funcionalismo precisaria de dois terços dos vereadores. Uma segunda votação também seria necessária.

Como os projetos relacionam agente públicos, a votação poderia ser de maioria simples, sem segundo turno. "O resultado da votação foi quatro votos contrários e quatro a favor aos projetos, então lamentavelmente teremos que ver com o nosso jurídico para ver como ficarão os salários dos agentes públicos do executivo e legislativo para os próximos anos", destacou Slongo.

Além disso, na sessão foi aprovada a entrega de moções de aplauso ao tradicionalista Veriano Pelissari pelo trabalho como Xirú das Falas na 4ª Etapa do Festival Regional da Cultura Gaúcha- FRCG, realizada no 7 sete de agosto, e a patronagem do CTG Sinuelo da Fronteira pela organização do evento.